Últimas Notícias
recent

Futebol Profissional


NOVELLI JÚNIOR INTERDITADO
Mais do mesmo: todo ano a história se repete, com vários estádios sem laudo

Não é novidade para ninguém que nesta época do ano a Federação Paulista de Futebol interdita os mais diversos estádios de clubes da Primeira e Segunda Divisões. O Novelli Júnior, em Itu, é "freguês" desse problema.

Há várias temporadas o estádio municipal de Itu acaba sendo liberado na chamada bacia das almas e em alguns ítens a liberação acontece "com restrições".

Na temporada 2014 o Novelli, embora sendo um dos estádios mais bonitos e modernos do interior paulista, foi liberado com restrições e sua capacidade caiu para oito mil torcedores.

Agora a Federação Paulista de Futebol anuncia os estádios das Séries A-1, A-2 e A-3 que estão interditados e o Novelli Júnior, como não poderia deixar de ser, figura entre eles.

Para estar apto e liberado, o estadio precisa  estar em conformidade com cinco quesitos: Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros, condições sanitárias e de higiene, prevenção e combate de incêndio, segurança e vistoria de engenharia. 

O Novelli Júnior está passando por adequações. A capacidade está sendo reduzida em pelo menos mil e quinhentas cadeiras, que precisaram ser retiradas para que os corredores para acesso e saída de torcedores possa acontecer com mais rapidez e segurança.

Novas escadas de acesso também estão sendo construídas e a Prefeitura, por intermédio da Seme, e outras secretarias, vem trabalhando intensamente.

Mesmo assim, é uma corrida contra o tempo. Não será surpresa se para os jogos da Copa São Paulo de Futebol Junior os torcedores fiquem restritos apenas às cadeiras cobertas, ficando as demais dependências interditadas.

No caso do Copa São Paulo, não haverá problemas. Mas para o Paulistão, que começa em fevereiro, a coisa é outra. Uma corrida contra o tempo.

Outros estádios

Dentre os estádios que não se encontram em condições, a situação mais crítica é do Osvaldo Teixeira Duarte, da Portuguesa, que está em estado precaríssimo de conservação.

No caso do Capivariano, outro time da região a disputar o Paulistão, a corrida contra o tempo é maior ainda, pois existe a necessidade de uma ampliação no Estádio  Carlos Colnaghi.

Na região, apenas o São Bento está tranquilo, com o Walter Ribeiro liberado. 

A situação dos estádios da Primeira Divisão do futebol paulista é a seguinte: 
Botafogo – Estádio Santa Cruz - Ribeirão Preto – Interditado
Bragantino – Estádio Nabi Abi Chedid - Bragança Paulista – Interditado
Capivariano – Estádio Carlos Colnaghi - Capivari – Interditado

Corinthians – Arena Corinthians - São Paulo – Liberado
Ituano – Estádio Novelli Júnior - Itu – Interditado
Linense – Estádio Gilberto Siqueira Lopes - Lins – Interditado

Marília – Estádio Bento de Abreu – Marília - Interditado
Mogi Mirim – Estádio Romildo Vitor Ferreira - Mogi Mirim – Interditado

Osasco Audax – Estádio Pref. José Liberatti - Osasco– Interditado
Palmeiras – Arena Palmeiras - São Paulo – Liberado
Penapolense – Estádio Tenente Carriço - Penápolis – Liberado
Ponte Preta – Estádio Moisés Lucarelli – Campinas - Liberado
Portuguesa – Estádio do Canindé – São Paulo - Interditado
Red Bull – Estádio Moisés Lucarelli – Campinas - Liberado
Rio Claro – Estádio Dr. Augusto Schimidt – Rio Claro - Liberado
Santos – Vila Belmiro – Santos - Liberado
São Bento – Estádio Walter Ribeiro – Sorocaba - Liberado
São Bernardo – Estádio 1º de Maio – São Bernardo do Campo - Liberado
São Paulo – Estádio Morumbi – São Paulo - Liberado
XV de Piracicaba – Estádio Barão de Serra Negra – Piracicaba - Interditado
Moura Nápoli

Moura Nápoli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ITUANO BASQUETE É DERROTADO POR UM PONTO E NOS ÚLTIMOS SEGUNDOS

JOGO REEDITOU FINAL DE 2021. TIME DE BLUMENAU VENCEU OS DOIS JOGOS DE 2022 Jogando na noite da sexta (27) em Blumenau, o Ituano Basquete d...

O GRANDE PARCEIRO

Tecnologia do Blogger.