Últimas Notícias
recent

O BRASIL NAS COPAS


Por Daniel Nápoli

2002



Após a polêmica perda do penta em 1998, o Brasil foi para o Mundial disputado na Coréia do Sul e no Japão, desacreditado pela maioria da imprensa e e da torcida.

A seleção brasileira se classificou para a Copa somente na última rodada das eliminatórias, ao vencer em casa, a Venezuela, por 3x0.

O técnico Luiz Felipe Scolari, não levou para o Mundial, o atacante Romário, por opção. Um dos motivos levantados pela imprensa na época, seria o fato do baxinho ter pedido dispensa da Copa América de 2001, alegando que ao passar por intervenção cirúrgica, não estaria apto para a disputa, porém, pouco tempo depois, estava atuando pelo Vasco da Gama.
Dúvida para a disputa da Copa, Ronaldo (9) que vinha de sérias lesões, se recuperou a tempo e foi chamado por Felipão.

Confira a lista dos convocados:
Goleiros – Marcos (Palmeiras), Didia (Milan-ITA) e Rogério Ceni (São Paulo)
Laterais – Cafú (Roma-ITA), Roberto Carlos (Real Madrid-ESP), Belletti (São Paulo) e Júnior (Parma-ITA)
Zagueiros – Lúcio (Bayern Leverkusen-ALE), Roque Júnior (Milan-ITA), Edmílson (Lyon-FRA) e Anderson Polga (Grêmio)
Volantes – Gilberto Silva (Atlético-MG), Kléberson (Atlético-PR) e Vampeta (Corinthians-

Meias – Ricardinho (Corinthians), Ronaldinho Gaúcho (Paris Saint-Germain-FRA), Denílson (Real Betis), Juninho Paulista (Flamengo) e Kaká (São Paulo)
Atacantes – Rivaldo (Barcelona-ESP), Ronaldo (Inter de Milão-ITA), Edilson (Cruzeiro) e Luizão (Grêmio)

O Brasil estreou naquele Mundial contra a Turquia, em Ulsan, na Coreia do Sul, no dia 3 de junho. Os brasileiros começaram sua trajetória com um susto, ao ver os turcos saindo atrás do marcador. Porém com gols de Ronaldo e Rivaldo, o Brasil virou a partida, que foi dramática, com a vitória chegando aos 42 minutos do segundo tempo.

No dia 8 de junho, o Brasil enfrentou a China em Seogwipo, solo sul-coreano. Ao contrário da estreia, a vitória foi conquistada com uma goleada de 4x0, com gols de Roberto Carlos, Rivaldo, Ronaldinho Gaúcho e Ronaldo.O terceiro e último jogo da primeira fase, em Suwon, ocorreu no dia 13 de junho, contra a Costa Rica. Mais uma vitória e nova goleada, dessa vez por 5x2. Ronaldo (duas vezes), Edmílson, Rivaldo e Júnior foram os autores dos gols. O Brasil se classificou em primeiro lugar de sua chave.

Para as oitavas de final, o Brasil deixou a Coreia do Sul, passando a atuar no Japão. No dia 17 de junho, em Kobe, os brasileiros enfrentaram a Bélgica e avançaram de fase ao vencer por 2x0, gols de Rivaldo e Ronaldo.
Nas quartas de final, disputada em Shizuoka, no dia 21 de junho, o Brasil teve uma de suas partidas mais difíceis e dramáticas daquele torneio, diante da Inglaterra.

A seleção Canarinho viu os ingleses saírem na frente com Michael Owen, ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, Rivaldo e Ronaldinho, em uma cobrança de falta antológica, viraram a partida contra o forte adversário, colocando o Brasil nas semifinais.
Por uma vaga na final, o Brasil novamente enfentaria a Turquia, sensação do torneio. Assim como na primeira partida do Mundial, foi um jogo duro, com os brasileiros vencendo por 1x0, com um gol de “bico” do atacante Ronaldo, no início do segundo tempo.O Brasil estava pela terceira Copa seguida, na decisão. A adversária agora, seria a Alemanha da “muralha” Oliver Khan.

Em 30 de junho, no estádio Yokohama, Brasil x Alemanha decidiram a Copa do Mundo. Embora os alemães tenham tido chances claras de balançar as redes, os brasileiros foram superiores e com dois gols de Ronaldo, a vitória por 2x0 rendeu ao Brasil o pentacampeonato mundial.A seleção Canarinho não só ampliou sua hegemonia, como se tornou a primeira pentacampeã mundial, em uma edição marcada pela redenção do atacante Ronaldo.

Se a França foi a última seleção campeã mundial do século XX e do 2º milênio, o Brasil foi o primeiro campeão do século XXI e consequentemente do 3º milênio.



Moura Nápoli

Moura Nápoli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FÓRMULA 1: SCHUMACHER E MAZEPIN SEGUEM NA HAAS PARA 2022

APÓS ESTREIA NA CATEGORIA NESTE ANO, PILOTOS CONTINUAM NO GRID, NO ANO QUE VEM   Por Daniel Nápoli   Na última quinta-feira (23), a ...

OS GRANDES PARCEIROS

OS GRANDES PARCEIROS
Tecnologia do Blogger.